Uma multidão de fãs e diversos astros do futebol italiano se uniram nesta quinta-feira para dar adeus a Astori, ex-capitão da Fiorentina, morto no último domingo, vítima de um mal súbito. O funeral do jogador está sendo realizado na igreja Santa Croce, em Florença, onde milhares de torcedores se aglomeram na porta, estendendo cachecóis, bandeiras e outros tipos de homenagens.

O elenco da Fiorentina marcou presença usando as cores do clube, e diversos representantes de outras equipes italianas também visitaram o funeral. Ex-companheiros de Astori na seleção italiana, o goleiro Buffon e o zagueiro Chiellini, que entraram em campo com a Juventus na última quarta, estiveram presentes, assim como o técnico Massimiliano Allegri. O comandante da Inter de Milão, Luciano Spaletti, também esteve no evento. O ex-jogador Totti foi outro a marcar presença.

Astori foi encontrado morto no quarto do hotel em que a Fiorentina estava concentrada, em Udine, no último domingo, para enfrentar a Udinese. A perícia demonstrou que o jogador foi vítima de um mal súbito, uma parada cardíaca por causas naturais. Entretanto, a promotoria da cidade apontou que o caso pode ser enquadrado em homicídio culposo, uma vez que o jogador não foi socorrido.

A rodada do Campeonato Italiano no último domingo teve seus jogos adiados por conta do luto pela morte do jogador. A Fiorentina e o Cagliari, duas das equipes em que Astori atuou na Itália, decidiram aposentar a camisa 13 em homenagem a Astori.

Fonte: GloboEsporte

Responda