O Coritiba espera uma resposta da Fifa ao Real Madrid para definir se poderá contratar ou não o lateral-esquerdo Abner. O jogador pertence ao clube espanhol e está no Estoril-POR. O Real questionou à Fifa se poderia emprestá-lo ao Coxa, mas não obteve resposta. O presidente Samir Namur explicou o caso:

– Hoje, existe um impasse jurídico se o Real Madrid pode ou não pode emprestar o Aber ao Coritiba. O Real Madrid fez uma consulta à Fifa, que não respondeu ainda. Então, existe esse obstáculo neste momento – explicou o presidente alviverde em entrevista coletiva.

Apesar desse imbróglio, o Coritiba, segundo Samir Namur, tem, sim, interesse em Abner. As conversas existem desde o início do mês. A contratação, inclusive, se enquadraria no aspecto financeiro, uma das preocupações da diretoria alviverde.

– A situação do Abner é muito parecida com alguns outros ex-atletas. Ele procurou o Coritiba porque queria retornar por motivos próprios de carreira e por identificação com o clube. É importante deixar isso bem claro, o Coritiba não foi atrás do Abner, assim como não foi atrás de outros ex-atletas. Dentro da análise do departamento de futebol, o Abner seria um atleta que poderia ajudar, especialmente porque se encaixaria em um contexto financeiro adequado – completou o presidente.

O Coritiba conta com apenas duas opções para a lateral esquerda: William Matheus e Léo Andrade. O primeiro, porém, sofreu uma lesão e virou desfalque nas últimas partidas. O segundo herdou a vaga.

Com Léo Andrade mais uma vez na esquerda, o Coritiba enfrenta o Cianorte, às 16h30 de sábado, no Couto. O duelo é válido pela quinta rodada da Taça Caio Júnior, o segundo turno do Paranaense.

Fonte: GloboEsporte

Responda