O Monaco falhou na missão de defender o título francês na temporada 2017/18. Pior: o campeão do ano passado foi derrotado pelo Paris Saint-Germain por 7 a 1 neste domingo e viu o rival levantar a taça com cinco rodadas de antecedência. Ao comentar a goleada, o brasileiro Fabinho foi sincero. Segundo ele, o Monaco não viu a cor da bola no Parque dos Príncipes

– Hoje foi um dia à parte, infelizmente. Mais uma vez jogamos contra o PSG e não vimos a cor da bola. O PSG é a melhor equipe da França, mas perder de 7 a 1 é feio – resumiu o brasileiro.

Na temporada passada, o Monaco foi campeão francês depois de 16 anos de espera. Além disso, chegou na semifinal da Liga dos Campeões e caiu diante da Juventus. Desde então, a equipe perdeu jogadores importantes, como Mbappé, que foi para o próprio PSG.

– Sabíamos que não seria uma temporada tranquila, que não seria como na temporada passada. Chegaram novos jogadores, demora até adapar, até entender a forma de jogar da equipe. Até todos conseguirem dar o seu melhor foi um pouco difícil.

Um dos jogadores mais valorizados da equipe, Fabinho não sabe se vai continuar no Monaco. Ele já chegou a ser procurado pelo PSG na temporada passada.

– Eu tive contato com eles, sim. Essa temporada ainda não teve nenhuma conversa, nem comigo, nem com meu representante. É um grande clube claro e se for para sair do Mônaco, eu quero ir para um grande clube. Se houver interesse em mim, é claro que vou estudar, vou estudar outras propostas que tiverem também. Ainda não chegaram propostas, nem é o tempo para eu pensar nisso também – encerrou.

Fonte: GloboEsporte

Responda