Arquitetado em 2016 e gravado efetivamente em 2017, com produção de Diogo Strausz, o primeiro álbum solo de Laura Lavieri, Desastre solar, será enfim lançado neste ano de 2018. Após dez anos de atuação sobressalente como vocalista de discos e shows de Marcelo Jeneci, a cantora paulistana – em foto de Gabriel Cabral postada na página de Lavieri no Facebook – apresenta o primeiro disco já com a experiência de ter se apresentado sozinha em shows feitos nos últimos anos entre as cidades de Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP).

Com arranjos de Diogo Strausz, produtor musical carioca que deu forma ao aclamado segundo álbum de Alice Caymmi (Rainha dos raios, de 2014), o disco de Lavieri foi gravado com os toques dos músicos Alberto Continentino (baixo), João Erbetta (guitarra), Pedro Fonte (bateria e percussões) e Ricardo Dias Gomes (teclados).

No álbum Desastre solar, Lavieri dá voz a músicas como Mais um whisky (Gui Amabis), Sol do céu (Alberto Continentino e Fernando Temporão) e Tudo outra vez (Lucas Oliveira), entre outras. O time de compositores também inclui Jonas Sá e – claro – Marcelo Jeneci, incentivador do voo solo de Laura Lavieri.

Fonte: GloboEsporte

Responda