Scott Hutchison, vocalista do Frightened Rabbit, foi encontrado morto nesta sexta-feira (11). O líder da banda escocesa de indie rock foi dado como desaparecido e sofria de depressão.

A morte foi confirmada pela família de Hutchison e por seus companheiros de banda, em comunicados. Ainda não há informações sobre a causa.

“Não há palavras para descrever o quão tristes estamos e o tamanho da dor pela morte do nosso querido Scott, mas saber que ele não está mais sofrendo também nos traz algum conforto”, escreveu a banda em suas redes sociais.

“Ler mensagens de apoio e esperança das pessoas que ele ajudou com sua arte nos tem feito bem e esperamos que vocês continuem fazendo isso”, completou o grupo.

O cantor foi visto pela última vez em um hotel em Edimburgo, na Escócia, na quarta-feira (9). Duas horas depois, ele tuitou:

“Seja muito bom com quem você ama. Não é algo fácil. E eu fico bem perturbado que não seja. Eu não vive desse jeito e isso me mata. Por favor, abrace quem você ama”. Depois, ele acrescentou: “Eu estou fora agora. Obrigado”.

O Frightened Rabbit foi formado em 2003 e já lançou cinco discos. O mais recente é “Painting of a Panic Attack”, de 2016.

A banda gravou músicas como “The Woodpile” e “The Loneliness and the Scream”. Eles chegaram ao top 10 de discos mais vendidos no Reino Unido com seu quarto álbum, “Pedestrian Verse”.

Fonte: G1

Responda