O Volbeat é uma das raríssimas bandas de rock pesado e pegada mais tradicional do Lollapalooza 2018. No dia 23 de março, o quarteto dinamarquês mostra no festival do Autódromo de Interlagos, em São Paulo, sua mistura de Elvis Presley, Johnny Cash, Metallica, Slayer e Social Distortion – tudo com coberto com um alardeado tiquinho de anos 1950.

Ao tomar conhecimento de que é “defensor do peso” no evento, Michael Poulsen, guitarrista e cantor do Volbeat, dá risada e admite que desconhecia o fato. “Não é como se o Volbeat fosse uma banda de metal ou de heavy metal… Mas é algo do qual eu me orgulho. Escuto bastante heavy”, diz ele. “Se alguém quiser chamar o Volbeat de metal ou heavy metal, não tem problema.”

Aos 42 anos, Poulsen formou no início da década de 1990 a banda de death metal Dominus, que lançou quatro álbuns entre 1994 e 2000. Quando acabou, ele formou o Volbeat e assumiu um estilão mais clássico. Com esta, já está no sexto disco, o mais recente é de 2016.

Poulsen orgulha-se de já ter feitos shows ou turnês com Motorhead, Black Sabbath, Megadeth, Slayer, Social Distortion (Mike Ness é ídolo do entrevistado) e principalmente o Metallica, para quem já abriram uma tour em estádios.

Outro motivo de orgulho: o líder do Volbeat não tem perfis em redes sociais. Veja o porquê na entrevista deste simpático, bem-humorado e nostálgico artista que quase foi boxeador.

G1 – O Volbeat é uma das bandas de som mais pesado do Lollapalooza – uma das poucas. Como você se sente por representar esse estilo de som no festival?

Michael Poulsen – (risos) Ok, antes de mais nada, eu não sabia que éramos uma das bandas mais pesadas do Lollapalooza Brasil 2018. Não é como se o Volbeat fosse uma banda de metal ou de heavy metal… Mas é algo do qual eu me orgulho. Porque escuto bastante heavy metal e músicas assim.

E nós temos, de fato, um som distorcido, as guitarras. Talvez os nosso primeiros dois discos possam ser comparados ao metal, sabe? Só que algumas de nossas coisas mais recentes provavelmente são mais rock tradicional.

Se alguém quiser chamar o Volbeat de metal ou heavy metal, não tem problema, porque eu realmente curtia isso quando comecei. Lancei alguns discos de death metal com a minha banda antiga e ainda escuto muito metal.
Se nós pudermos, de alguma forma, representar o metal, vou ficar muito orgulhoso. Vamos fazer o nosso melhor para tocar algumas de nossas músicas mais pesadas.

Fonte: G1

Responda